OLIVEIROS S. FERREIRA
(05 de maio de 1929, São José do Rio Pardo, SP)
 
 
Carreira acadêmica
 
Licenciado em Ciências Sociais pela então Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras, hoje, Filosofia, Letras e Ciências Humanas – da Universidade de São Paulo – 1950.
 
Professor (por concurso, 1951) de Sociologia no Instituto de Educação e Colégio Estadual de Marília. Exonerou-se do cargo por ter sido colocado à disposição da Faculdade por onde se formara, a fim de integrar seu corpo docente.
 
Auxiliar de ensino, depois Assistente, depois Assistente-Doutor, depois Professor Associado (Livre-docente) da Cadeira de Política, hoje Departamento de Política da FFLCH da USP, 1953/1983.
 
Curso no 3º ciclo do Institut des Sciences Politiques – Fondation Nationale des Sciences Politiques – Paris, 1959/60.
 
Doutor em Ciências Sociais, com distinção, pela então FFCL da USP, em 1966, tendo defendido a tese “Nossa América, Indoamérica. A Ordem e a Revolução no Pensamento em Haya de La Torre”.
 
Livre-docente com distinção pela FFLCH da USP, em 1983, tendo defendido a tese “Os 45 Cavaleiros Húngaros – Uma Leitura dos Cadernos do Cárcere de Antônio Gramsci”.
 
Membro das Bancas de Concursos para Mestrado, Doutorado e Livre-docência na FFLCH, na Faculdade de Direito da USP, na Faculdade de Filosofia de Araraquara – UNESP, na UNICAMP e na PUC-SP.
 
 
Cursos e Seminários:
 
História das Idéias (Maquiavel a Marx) – Curso de Graduação em Ciências Sociais – FFCL/USP
 
Teoria Geral da Política – Curso de Graduação em Ciências Sociais – FFCL/USP
 
Problemas da Revolução Brasileira – Curso de Graduação em Ciências Sociais – FFCL/USP
 
Relações Internacionais (pioneiro na FFLCH) – Curso de Graduação em Ciências Sociais – FFLCH/USPO Conceito de Hegemonia na Ciência Política – Curso de Pós-Graduação em Ciência Política – FFLCH/USP
 
Teoria da Constituição subdesenvolvida – Curso de Pós-Graduação em Ciência Política – FFLCH/USP
 
Formação do Sistema Interamericano – Curso de Graduação em Relações Internacionais – PUC/SP
 
Conflitos Internacionais – Curso de Graduação em Relações Internacionais – PUC/SP
 
A crise do Estado Brasileiro – Aulas no Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais – PUC/SP.A Hegemonia nas Relações Internacionais – Curso no Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais – PUC/SP

 

 
Carreira Profissional (concomitante à acadêmica)
n’ O Estado de S. Paulo:
 
Secretário de Redação (chefe de redação) 1967/1976
Redator-chefe – 1978/79
Diretor Redator-chefe – 1979/83
Diretor Responsável – 1996/1996
Diretor – 1983/1999
 
 
Participação extracurricular
 
GACINT / USP – Grupo de Análise da Conjuntura Internacional
 
Conselho de Orientação Política e Social da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo.
 
Conselho Técnico de Economia, Sociologia e Política da Federação do Comércio do Estado de São Paulo.
 
Conferencista sobre temas políticos e militares na Escola Superior de Guerra, na Escola de Guerra Naval e na Escola de Comando e Estado-Maior do Exército;
 
Correspondente do Centro de Estudos Estratégicos da Escola Superior de Guerra.
 
Coordenador do seminário “Política Internacional e Estratégica”, em colaboração com o general (R-1) Carlos de Meira Mattos – Revista Convívio, São Paulo – 1980.
 
Fundador e ex-presidente do Instituto Brasileiro de Assuntos Estratégicos – IBAE.
 
Comissão nomeada pelo Instituto dos Advogados de São Paulo para redigir anteprojeto de Constituição (c/ Gofredo da Silva Telles Jr., Manoel Gonçalves Ferreira Filho, Alfredo Buzaid, José Loureiro Jr.), 1966.
 
Instituto de Estudos Sociais e Políticos da Associação Comercial do Estado de São Paulo – 1966/1968.
 
Instituto Liberal de São Paulo – 1988/1993.
 
Idealizador da pesquisa “O professor de 1º e 2º graus no Estado de São Paulo: um estudo à base de discussões de grupo” realizada pelo Instituto de Estudos Sociais e Econômicos – INESE – e Instituto Liberal de São Paulo, publicada por este em 1992,
 
 
Títulos e Condecorações
 
Doutor honoris causa – concedido pela Universidad Nacional Federico Villarreal, Lima, Peru.
 
Professor Emérito da Escola de Comando e Estado-Maior do Exército.
 
Medalha “Mérito Santos Dumont” – concedida pela Força Aérea Brasileira.
 
Medalha do Mérito Marechal Cordeiro de Farias – concedida pela Escola Superior de Guerra
 
Comenda da Ordem de Rio Branco – concedida pelo Ministério das Relações Exteriores do Brasil.
 
Medalha do Pacificador – concedida pelo Exército Brasileiro
 
 
——————————-
Nos dias 06 e 07 de abril de 1999, o Departamento de Ciência Política da FFLCH da Universidade de São Paulo prestou-lhe significativa homenagem, realizando um Seminário, organizado por Raquel Kritsch, Leonel I.A.Mello e Claudio Vouga, durante o qual os Professores Cícero Romão de Araujo, Eduardo Kulgelmas, Emir Sader, Francisco Weffort, Gildo Marçal Brandão, Jacques Marcovitch e Maria Hermínia Tavares de Almeida, da USP, Eliézer Rizzo de Oliveira e Shiguenoli Miyamoto, da UNICAMP, Marco Aurélio Nogueira, da UNESP e Ottaviano de Fiore, da PUC-SP, e o Almirante José Maria do Amaral Oliveira, ex-Ministro-Chefe do EMFA, analisaram sua obra acadêmica e política.
Desse Seminário resultou a publicação do livro “Oliveiros S. Ferreira – um pensador da política” (Humanitas/Fapesp).
 
 
 
 
 
 
Permitida a reprodução total ou parcial desde que citados autor e fonte.
®2003 - 2017 www.oliveiros.com.br / www.osf.com.br todos os direitos reservados.